Reflexões

Levemente Recarregada

Quem nunca teve aquele sentimento de que o dia estava ótimo, céu azul, passarinhos cantando, crianças felizes na escola, chefe tranquilo; quando inesperadamente, sem sequer dar um mínimo aviso, vem aquela avalanche de eventos, mil informações, diversos pepinos e piripaques e toda a sensação de tranquilidade e otimismo simplesmente saiu correndo por aí, sem nem deixar um até logo?!

Isso acontece com muito mais frequência do que eu gostaria (e vou parar de culpar a tal “vida adulta” por um tempo, ok?), mas hoje, eu realmente consegui absorver o fato de que eu tenho as ferramentas para mudar isso. Tá comigo. É meu dever, responsabilidade e ação.

Foi em agosto de 2020 que eu escrevi esse texto aqui e acredito que foi quando eu realmente me dei conta de que eu podia mudar o ritmo do meu dia, bastava apenas conhecer o que pode fazer a diferença ou não, e qual a dose necessária.

Lá atrás eu escrevi quais as coisas que me ajudavam, mas frisei que era (ou deveria ser) uma lista orgânica e que com o passar do tempo, poderíamos adicionar ou substituir coisas que nos faziam bem. Mais do que isso, além de saber que era importante trazer pro papel, percebi também que, quase dois anos depois, com muito mais presença com os meninos, a minha lista precisava conter àquilo que me preenche como mulher, como individuo (aquele tão famoso “mãe também é gente”).

Desta forma, senti que já era um bom momento para atualizações e listei abaixo o que gosto muito de fazer para me reenergizar.

  • Andar pelo condomínio e parar no meu cantinho das pedras para respirar e ouvir o som da natureza (brega para muitos, fundamental pra mim);
  • Cuidar da minha horta (agora não tão pequenininha, mas ainda lotada de amor – e graças a Deus, de tomatinhos);
  • Fazer exercício 2x na semana e antes do caos do dia começar (finalmente consegui valorizar a tão falada endorfina);
  • Escrever (que bela redescoberta, como me faz bem parar e colocar os pensamentos em ordem por meio da escrita);
  • Ler (mais uma redescoberta que estava apagadinha! Sempre amei ler e preciso confessar que o nosso querido Instagram estava roubando tempo demais da minha atenção);
  • Fazer um chá ou um café e apreciar ele de verdade, seja fazendo alguma das duas coisas acima, ou com uma conversa gostosa;

Embora tenha sido relativamente fácil listar o que me recarrega as energias (pra não dizer que virou parte fundamental da minha conexão comigo), fica o lembrete de colocar tudo isso em prática diariamente, e quem sabe, incentivar outras pessoas para o mesmo caminho.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s