Reflexões

Você sabe conectar os seus pontos?

Faz um tempo que o famoso “Connecting the dots” do Steve Jobs, daquele tão aclamado discurso de Stanford, vem voltando na minha cabeça.

Recentemente entrevistei alguns candidatos para umas posições na empresa que eu trabalho e comecei a pensar que poderia ser bacana falar um pouco sobre a importância de saber conectar os pontos da sua vida. Sim, no momento esse olhar é profissional, mas como acredito que pessoal e profissional estão completamente conectados, é importante esse olhar de conectar os pontos das suas escolhas e caminhos, para entender não só onde eles te levaram, mas como te tocaram no trajeto.

Me lembro quando fui desafiada a isso. Fiz uma integração de RH e, ao contar sobre a minha carreira, ouvi que tinham muitas experiências (se ficou curioso é só entrar no LinkedIn) e que precisava ter mais consistência no todo. Consigo sentir novamente o desconforto que aquela frase me gerou. Isso porque eu sabia que as coisas faziam sentido, tinham uma grande conexão, mas bem possivelmente, eu não tinha tanta clareza de como se acrescentavam e nem da melhor forma de contar essa história.

É aí que entra um outro tema importante e também bastante falado que é o autoconhecimento. A gente precisa começar a refletir sobre nós mesmos, analisar os nossos potenciais, as nossas fraquezas. Gastar esse tempo conosco.

Para conectar os pontos, é preciso parar e colocar no papel como foi esse caminho. Minha sugestão aqui? Escrever de forma resumida como têm construído sua carreira. Por onde começou? Qual foi a motivação para esse início? Na primeira mudança, o que te motivou a esse movimento? Qual foi o objetivo em cada uma das funções que você exerceu.

Escreve um a um e vai refletindo sobre tudo isso. Eu te garanto que ao ler o que está lá, as construções começarão a fazer muito mais sentido e juntar um passo no outro, ficará quase que intuitivo.

O próximo passo vai ser acertar a sua narrativa. Contar essa sua história em voz alta e caso algum ponto não fique claro pra você e te faça questionar, voltar ao papel e tentar por outro caminho. Vou dar um exemplo meu apenas para ficar tangível, ok?

“Sou publicitária e comecei a carreira em uma agência de publicidade global. 2 anos e meio depois, querendo migrar pra empresa, fui para uma área bem desafiadora para mim: inteligência de mercado em uma incorporadora.

Se eu fosse só olhar esse caminho enquanto vivia o momento, jamais poderia conectar que estava construindo uma base forte em estratégia de comunicação (na agência) e aprofundando o meu olhar analítico ao passar o dia trabalhando números no Excel (na incorporadora).

O um ano que passei lá, poderia parecer pouco para algum recrutador, mas sinalizar que foi um passo importante para a minha formação profissional e um complemento forte para mover para uma posição de marketing que unia essas duas fortalezas, já muda o aspecto como isso poderia ser avaliado.”

Consegue entender o que estou tentando passar? Como poderia ser diferente falar que fiquei apenas um ano e já me movimentei para outro desafio porque aquilo não era pra mim. Isso é verdade. Ficou claro que trabalhar apenas com a parte analítica não é o que me satisfaz, mas conectar as pontas deste aprendizado, já traz um discurso diferente e também real.

A gente não percebe as conexões de forma simples. Como o próprio Steve diz, ela só se torna evidente após ter sido vivenciada, por isso que precisamos acreditar e ter fé que isso vai fazer sentido.

“You can’t connect the dots looking forward; you can only connect them looking backwards. So you have to trust that the dots will somehow connect in your future. You have to trust in something — your gut, destiny, life, karma, whatever. This approach has never let me down, and it has made all the difference in my life.”
Steve Jobs

Testa o exercício e me conta! E não, você não precisa estar pretendendo entrar em um processo seletivo para fazer isso. De qualquer forma, vai ser importante entender suas movimentações, o que te motivou e como foi feita essa construção. Conecte os seus pontos e me conta como foi a experiência.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s